quinta-feira, 1 de maio de 2008

Viver como um Homem diante de Deus

Ou quando nos entregamos, em comissão de trabalho, movidos pela fé, a um projecto educativo no contexto virtual emergente com uma crença no valor absoluto da educação.

E quando vemos o ecran como meio de acesso a novos mundos, para os quais podemos, à semelhança dos nossos antepassados, partir à descoberta, mesmo que não haja uma cartografia pré-estabelecida.

Para o meu irmão, cujo percurso e modo de estar na vida muito me orgulha, acabado de defender a sua tese de mestrado Projectos educativos no contexto virtual emergente, que também pode ser lido aqui.

Sursum corda!

3 comentários:

Martha Barbosa disse...

Entrei no seu blog, através de um amigo, e adorei.Espero que visite o meu, se tiver tempo é claro. marthacorreaonline.blogspot.com
Um abraço- Será bem vinda por lá

Martha Barbosa disse...

Entrei no seu blog, através de um amigo, e adorei.Espero que visite o meu, se tiver tempo é claro. marthacorreaonline.blogspot.com
Um abraço- Será bem vinda por lá

Francisco disse...

Leonor - Confesso que me atraiu a etiqueta Hipertexto (2 comentários e repetidos), depois de verificar que Saramago já tinha uma chuva de 10 comentários. Não há quem resista a comentá-lo, para bem ou para mal ou acima disso. Também o Memorial não me seduziu por aí além. O 2 cavalos da Jangada de Pedra (que se separa do resto da Europa) é mais claro, real e - talvez por isso - mais importante. Seu comentário à essência da viagem atravé do ecrã é excelente. Um abraço e bom fim de semana - Francisco